Excertos

por Rodrigo Ghedin

Fui fazer pastéis veganos. A receita dizia para usar farinha de trigo, mas aí tinha outras farinhas aqui e é tudo farinha, qual o problema? Não sei se foi o mix de farinhas, mas deu problema. (Porém os pastéis ficaram gostosos. Feios, mas gostosos e, talvez, mais nutritivos.)

25/9/2020

WhatsApp não é para os fracos. Alguém jogou no grupo da família a notícia de um rapaz que se suicidou na cidade. Na mensagem, é dito que a família enlutada pediu para que não comentem a causa da morte.

Faz meia hora que estão comentando a causa da morte.

9/9/2020

Uma vez comentei com um motorista de app que eu havia recém-chegado a Curitiba. Ele então me deu a seguinte dica para o frio: caso more em um lugar pequeno, ligar o forno e deixar ele lá, funcionando como aquecedor. Só tem que ficar atento porque pode dar ruim.

20/8/2020

Liguei para Shawn avisando que tinha terminado o artigo e pedi desculpas pelo tamanho. Ele respondeu: “Ah, sr. Hersh, artigos nunca são longos demais ou curtos demais. Eles são apenas interessantes ou entediantes”.

— Seymour M. Hersh, Repórter.

18/8/2020

Quadro do filme Cléo das 5 às 7.

Cléo das 5 às 7 (Agnès Varda, 1962).

18/8/2020

A imagem de Capitu ia comigo, e a minha imaginação, assim como lhe atribuía lágrimas, há pouco, assim lhe encheu a boca de riso agora; via-a escrever no muro, falar-me, andar à volta, com os braços no ar; ouvi distintamente o meu nome, de uma doçura que me embriagou, e a voz dela. As tochas acesas, tão lúgubres na ocasião, tinham-me ares de um lustre nupcial… Que era lustre nupcial? Não sei; era alguma coisa contrária à morte, e não vejo outra mais que bodas.

— Machado de Assis, Dom Casmurro.

5/7/2020

Porquanto um dia Capitu quis saber o que é que me fazia andar calado e aborrecido. E propôs-me a Europa, Minas, Petrópolis, uma série de bailes, mil desses remédios aconselhados aos melancólicos. Eu não sabia que lhe respondesse; recusei as diversões. Como insistisse, repliquei-lhe que os meus negócios andavam mal. Capitu sorriu para animar-me. E que tinha que andassem mal? Tornariam a andar bem, e até lá as joias, os objetos de algum valor seriam vendidos, e iríamos residir em algum beco. Viveríamos sossegados e esquecidos; depois tornaríamos à tona da água. A ternura com que me disse isso era de comover as pedras. Pois nem assim. Respondi-lhe secamente que não era preciso vender nada. Deixei-me estar calado e aborrecido. Ela propôs-me jogar cartas ou damas, um passeio a pé, uma visita a Matacavalos; e, como eu não aceitasse nada, foi para a sala, abriu o piano, e começou a tocar; eu aproveitei a ausência, peguei do chapéu e saí.

— Machado de Assis, Dom Casmurro.

5/7/2020

O discurso nada mais é do que a reverberação de uma verdade nascendo diante de seus próprios olhos; e, quando tudo pode, enfim, tomar a forma do discurso, quando tudo pode ser dito e o discurso pode ser dito a propósito de tudo, isso se dá porque todas as coisas, tendo manifestado e intercambiado seu sentido, podem voltar à interioridade silenciosa da consciência de si.

— Michel Foucault, A ordem do discurso.

19/6/2020

(Ainda a via, às vezes, em almoços à base de pizza, e ela ficava mostrando os retratos dos filhos, dizendo que ele estava desperdiçando a própria vida e que ele não sabia o que era aquilo; ele dizia que se sentia sortudo por não saber o que aquilo era; ela então dizia que de qualquer maneira ele não seria capaz de aguentar o tranco, e ele dizia que não tinha a menor intenção de descobrir, fosse o que fosse; e aí eles ficavam sentados em silêncio, olhando irritados um para o outro.)

— Nick Hornby, Um grande garoto.

19/6/2020

Quadro do filme Mulheres do século 20.

Mulheres do século 20 (Mike Mills, 2016).

15/5/2020